Startups de Blockchain de Malta recebem investimento da Binance

Na última segunda-feira (18), a Binance – maior exchange criptográfica – anunciou investimento para o recém-lançado programa de novas startups de Blockchain organizadas pela Bolsa de Valores de Malta. A notícia foi dada pelo Twitter da Malta Stock Exchange.

Com o nome de MSX FinTech Accelerator, o projeto procura apoiar e orientar startups e empreendedores do meio a se tornarem maiores e competitivos. Será oferecido instalações, serviços de contabilidade, escritórios e centro de treinamento.

Joseph Portelli, chefe da Bolsa, afirmou que o país está se tornando um centro de excelência, tanto de tecnologia financeira, quanto de Blockchain. “Queremos permitir que empresas locais e estrangeiras tenham a capacidade de trazer suas ideias para o mercado mais rapidamente”, completa.

O país também vem se mostrando aberto quanto a investimentos do segmento. Neste ano, o gabinete aprovou três projetos de lei envolvendo a tecnologia. Uma delas, a de Ativos Financeiros Virtuais fornece uma estrutura para criptomoedas e ofertas iniciais de moedas.

“Malta está criando um ambiente seguro e legislativo para que a indústria se torne respeitável, atraindo empresas como a nossa e muitas outras. A Bolsa de Valores de Malta reflete esses valores, fornecendo a infraestrutura para empreendedores e startups florescerem”, explica a Binance.

US$1 bilhão para startups de Blockchain

No final do mês passado, a Binance – maior exchange criptográfica – anunciou que vai lançar um fundo de US$1 bilhão para projetos de Blockchain. O anúncio foi feito durante uma conferência online pela diretora da subsidiária Labs, Ella Zhang.

De acordo com a publicação do Portal do Bitcoin, a Binance vai selecionar 20 fundos para começar a investir. Sendo chamado de “Fundo de Impacto Social”, o lançamento será feito através das próprias reservas da empresa. Segundo Ella, o objetivo é contribuir à indústria.

A diretora comentou acreditar ser um experimento social disruptivo. E que a Binance espera trabalhar com projetos mais ambiciosos para explorar mais aplicativos e soluções em Blockchains. O texto conta que a empresa a receber o primeiro financiamento será o aplicativo chinês Kuaidi Dache, criado por Weixing Chen. Que, em 2013, fundiu-se ao rival Didi Chuxing.

Desde o começo de 2018, a exchange vem muito dedicada a investir em novas startups de Blockchain. Por mais que pareça novidade, esse não é o primeiro investimento da subsidiária. No inicio do ano, a Binance Labs chegou a fazer negócios com a MobileCoin. A empresa aplicou US$30 milhões.

No ranking da Coin Market Cap, a Binance segue como a exchange líder do mundo todo. Seu volume diário é de mais de US$169 milhões

FONTES

Fonte1

Fonte2

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.

Comentários