HTC libera pré-venda do primeiro celular blockchain do mundo

Considerada uma das pioneiras no ramo dos smartphones por ter produzido o primeiro aparelho com Android em seu sistema operacional, a HTC liberou para pré-venda um celular blockchain que promete revolucionar a vida dos consumidores de criptomoedas.

Exodus é o primeiro celular blockchain do mundo

Chamado de HTC Exodus e anunciado em maio deste ano, o primeiro celular blockchain do mundo, Exodus, já pode ser encomendado por usuários que estiverem dispostos a realizar a compra através de criptomoedas. Aliás, servir como uma carteira de bitcoins, ou “Walletcoin“, é um dos diferenciais mais explorados pela empresa na divulgação do novo aparelho.

Esta semana uma série de informações foram reveladas sobre o smartphone e ficou bem claro que o foco do produto são os investidores do mercado criptoeconômico. O modelo recebe uma espécie de partição interna separada do Android, dedicado à realizar a segurança de informações financeiras através de criptografia.

O dispositivo conta com um sistema de segurança descentralizado e possui um artifício bastante interessante para recuperação de dados em caso de perda ou roubo. Através dele será possível selecionar uma lista de contatos de confiança, que quando são acionados recebem um código chave que dá acesso ao conteúdo do compartimento através de um backup na nuvem.

Disponível inicialmente em mais de 30 países, incluindo Estados Unidos, Hong Kong e Reino Unido, o objetivo da HTC é fazer o seu celular blockchain alcançar nessa primeira fase os desenvolvedores dessa tecnologia, para criar um ecossistema de melhoria do seu projeto operacional.

Phil Chen, o diretor descentralizado da operação afirmou o seguinte:

“Nós pretendemos começar a distribuição do aparelho com a comunidade de blockchain para obter sua ajuda e tornar nossa carteira, e a tecnologia ainda mais seguras. Basicamente testando-a e fornecendo feedback e sugestões e soluções”

Quando o celular blockchain da HTC chega ao mercado tradicional?

Questionados sobre quando o novo smartphone chega ao grande público, a HTC se recusou a dar informações precisas sobre a sua produção em larga escala. Por enquanto o foco da empresa parecer ser só o mercado de desenvolvedores e os cerca de 32 milhões de usuários de criptomoedas que utilizam carteiras criptografadas de serviços terceirizados.

A distribuição oficial começa em Dezembro de 2018.

Fonte:
CoinDesk
Cointelegraph

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.
Igor Seco

Igor Seco Autor

Comentários