Casa de leilões registra obras de arte em blockchain para garantir autenticidade

Em uma iniciativa não tão inédita assim, mas muito importante para o futuro da arte moderna no mundo, uma das casas de leilões mais famosas do mundo e responsável pelas maiores vendas já registradas, decidiu adotar a nova tecnologia e adicionar sua galeria de arte em blockchain.

Por quê colocar arte em blockchain?

Inicialmente se pensou que a blockchain seria uma plataforma capaz de ajudar apenas o setor econômico, mas conforme o tempo foi passando, desenvolvedores encontraram maneiras de implementar a tecnologia em todo tipo de negócio.

Hoje ela pode, comprovadamente, auxiliar em praticamente todos os alicerces de uma sociedade, tanto na área privada quanto na governamental.

Aproveitando esse alto nível de adaptatividade, a Christie’s, a maior casa de leilões do mundo, responsável pela venda de uma quantidade infindável de quadros de artistas como Picasso, Vang Gogh, Da Vinci, Salvador Dali e muitos outros, passou a registrar arte em blockchain para realizar um monitoramento transparente do caminho que suas obras percorrem.

Obras de arte de épocas como do Da Vinci podem valer até meio bilhão de dólares, o que fomenta no mundo inteiro um mercado negro que na grande parte das vezes vive de falsificações.

Com um sistema tecnológico funcionando por trás de um arquivo oficial, é possível tanto para as casas de leilão quanto para colecionadores que uma rápida averiguação no blockchain público seja feita e a origem da obra seja revelada, evitando contrabando e a compra milionário por algo que mais tarde poderia ser considerada apenas um peso de papel.

A parceria com a empresa Artory foi concretizada e à partir de então todas as obras em posse da Christie’s terão as informações adicionadas à plataforma, incluindo dados sobre o valor estimado, o nome, a data de criação e uma série de especificações para que haja um controle completo sobre o item.

Recentemente nós publicamos aqui no Portal do Blockchain um artigo que explica como uma ferramenta parecida poderia ajudar museus pelo mundo, você pode conferir clicando aqui.

Fonte:
Christie’s

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.
Igor Seco

Igor Seco Autor

Comentários