Maior exchange do mundo mobiliza investidores em apoio à igreja incendiada em Paris

O mês de Abril tem sido bom com os investidores de criptomoedas, mas nele também aconteceu uma das maiores tragédias culturais do mundo. A Catedral de Notre Dame, em Paris, pegou fogo e quase tudo foi destruído pelas chamas.

Um apoio significativo seria uma virada histórica para a criptoeconomia

Em uma tentativa de mostrar a união da comunidade criptoeconômica, a Binance, maior exchange de criptomoedas do mundo, está reunindo esforços para levantar um fundo que ajude a reconstruir a igreja.

Changpeng Zhao, o CEO da Binance lançou um desafio ao ecossistema criptográfico, incitando os investidores que puderem, a doar uma quantia mesmo que simbólica para ajudar na restauração da Catedral de Notre Dame, um local histórico muito importante para a cultura mundial, e assim, mostrar ao planeta o poder da economia que foi gerada pelo bitcoin.

“Se nós pudermos colocar a criptografia à favor de um edifício tão importante, será a prova final. Tragam as criptomoedas para essa causa!”, afirmou.

A nota publicada pelo CEO relata o acontecimento e como os investidores podem ajudar, leia:

“No dia 15 de Abril de 2019, um incêndio atingiu a histórica Catedral de Notre Dame, que fica em Paris, na França, destruindo obras muito importantes e danificando gravemente um edifício que já coroou reis em quase 1000 anos de fundação.

Foi uma perda enorme para a cultura mundial. Artes e histórias compartilhadas por toda a humanidade se foram nas chamas.

Como pioneira no uso de blockchain para o desenvolvimento do bem social, a Binance lançou um canal de captação de recursos de criptografia. Convocamos então nossos colegas deste ecossistema, para mostrar seu apoio à nossa campanha e doar fundos para a Crypto-Rebuild Notre Dame”.

Até o momento, a campanha recebeu 29 doações em 12 horas. O total de contribuições chegou aos 1.47 BTC, ou aproximadamente US $ 7.646.

Atualmente a Binance continua firme na primeira posição do ranking de maiores bolsas de criptomoedas do mundo, sendo seguida de perto pela Coinbase, que nesta mesma semana anunciou sua atividade em mais de 50 países.

Fonte:
CCN

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.

Leia Também