Grupo Hacker pede Bitcoins por resgate de documentos sobre o 11 de Setembro

O grupo de hackers “TheDarkOverlord” afirmou recentemente ter informações confidenciais sobre o atentado do World Trade Center, acontecido no dia 11 de Setembro de 2001. Em um comunicado ao governo dos EUA, o grupo pede bitcoins por resgate de documentos secretos.

Grupo de hackers pede Bitcoins após roubar documentos sobre atentados

Em uma publicação realizada no Twitter no último dia de 2018, o grupo TheDarkOverlord anunciou ter roubado milhares de documentos de companhias de seguros como a Hiscox Syndicates, Lloyds of London e Silverstein Properties.

Usando um tom ameaçador contra as autoridades americanas, os hackers afirmaram que irão liberar todo o conteúdo roubado caso seu pedido não seja atendido. Segundo eles, vários documentos sobre o 11 de Setembro podem responder à teorias da conspiração que rolam na internet desde sempre.

A conta no twitter foi suspensa em algumas horas, mas a mensagem foi compartilhada milhares de vezes e dizia o seguinte:

“Forneceremos muitas respostas sobre as conspirações do 11/9, através de nossos 18.000 documentos secretos roubados do @HiscoxComms e outros #thedarkoverlord # 911hacked #hacking #leak #cybercrime”

O porta-voz do Grupo Hiscox confirmou o hack, afirmando que o grupo conseguiu se infiltrar no sistema de arquivos confidenciais de um escritório de advocacia que prestou serviços para a empresa e que muito provavelmente conseguiu acesso aos autos de litígio que estão diretamente ligados ao ataque terrorista.

Uma nota emitida em resposta dizia o seguinte:

“Os sistemas do escritório de advocacia não estão conectados à infraestrutura de TI da Hiscox e os sistemas da própria Hiscox não foram afetados por este incidente. Um dos casos administrados pelo escritório de advocacia é o de litígios decorrentes dos eventos de 11 de setembro, e temos motivos para acreditar que as informações foram roubadas durante essa violação.”

De acordo com o relatório, o grupo pede bitcoins para o resgate em um e-mail enviado mencionando vários escritórios de advocacia, a Administração Federal de Aviação e a Administração de Segurança dos Transportes dos Estados Unidos.

Eles incluíram ameaças e um link contendo os documentos que supostamente roubaram.

Embora ele ainda esteja criptografado, o grupo informou sua intenção de liberar as chaves de decodificação apropriadas para o arquivo caso seu pedido não seja atendido.

Fonte:
CCN
CoinNounce

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.

Leia Também