Russo que hackeou servidores do governo para minerar bitcoin é preso

Um jovem russo de 21 anos que não teve seu nome revelado foi preso esta semana na cidade siberiana de Kurgan, sob a acusação pública de que ele estaria utilizando os servidores de várias cidades do governo para a atividade ilegal de minerar bitcoin.

Minerar bitcoin é o menor dos problemas em condenações

No dia 16 de Outubro a Agência Regional de Segurança Russa divulgou um relatório confirmando pelo menos três alvos que haviam sido atacados pelo hacker.

O rapaz só foi descoberto quando o governo da cidade de Yaroslavl descobriu uma movimentação anormal nos seus servidores e percebeu que alguém estava tentando utilizar seus equipamentos para minerar bitcoin.

Agora ele deverá responder à um processo federal por violação de dados e por neutralizar a segurança do sistema governamental, mostrando vulnerabilidade e utilizando da mesma em benefício próprio.

Segundo as informações, o maior dos problemas não é ter se beneficiado utilizando computadores públicos, e sim ter utilizado da energia local para atingir seu objetivo. No restante do mundo, essa tem sido a maior preocupação das agências reguladores e tem havido uma punição bastante dura para aqueles que aderiram a atividade ilegal.

Na Rússia, o rapaz poderá pegar pena de multa e prisão por até 5 anos, que estão configurados apenas para o roubo de energia elétrica.

Como a criptoeconomia ainda é um tema bastante recente, não existem leis de regulação e combate à fraudes como essa, o que tem deixado os cybercriminosos mais à vontade para agir sem o medo de acabarem recebendo penas mais longas.

A defesa em um caso como esse pode ser bem complicado, mas o fato de que ninguém foi diretamente prejudicado pelas ações do hacker podem tornar a pena mais leve.

Vale lembrar que recentemente na China um homem foi preso e condenado à 3 anos e meio de prisão após ser pego roubando energia elétrica de uma estação de trem.

Fonte:
Cointelegraph

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.
Igor Seco

Igor Seco Autor

Comentários