Entenda o que são “Mulas de Bitcoin”

Sabe-se que o número de empreendedores de bitcoins e outras criptomoedas  na China aumentou exponencialmente nos últimos meses. Isso devido à proibição de exchanges atuarem localmente, porém não era esperado que surgissem empreendedores intitulados “mulas de bitcoin”!

Muito comuns na China, mas não exclusivo do país, esses negociadores compram bitcoin em um país para revender mais caro em outro.

Essas “mulas” tornaram-se frequentes e nasceram como consequência aos impedimentos impostos pelo governo. Entretanto, por esta mesma razão suas margens de lucro estão diminuindo rapidamente.

Negociadores ou mulas de Bitcoin?

As mulas de bitcoin chinesas estão comprando bitcoin em vários mercados ao redor do mundo e “contrabandeando-a” de volta para o país para abastecer o florescente e desregulamentado mercado OTC (over-the-counter, ou mercado de balcão), de acordo com um relatório da Microsoft. No entanto, o negócio não é mais tão lucrativo quanto há alguns meses.

John DeCleene, gerente assistente de fundos da Overseas Chinese Investment Management, explicou: “Esse mercado sofreu uma queda; São muitos participantes entrando, mas também menos do que vimos em dezembro-janeiro, quando as pessoas estavam pagando um prêmio de 30% sobre a criptomoeda porque esperavam ganhos 10 vezes maiores da noite para o dia ”.

Fundos de investimento estão entrando no ramo de arbitragem

Em vez de bolsas locais, os investidores chineses estão se voltando para o comércio de balcão, usando mídias sociais, transferências bancárias e redes de pagamento online. “Os grandes comerciantes chineses estão usando a Coincola ou encontrando-se diretamente através de outras plataformas OTC”, disse Christian Grewell, professor da NYU em Xangai.

A Reuters entrevistou uma mula que admitiu entrar ilegalmente nos Estados Unidos com até US $ 40 mil para comprar bitcoins, que depois são vendidos nos mercados chineses de balcão. “Vender e comprar bitcoins nesses sites OTC é o mesmo que fazer compras no Taobao” (site de compras popular na China), comentou ela.

Além de um influxo de mulas, os fundos de investimento também estão tomando uma fatia do mercado, reduzindo os lucros potenciais. “No início, quando havia 30 por cento de arbitragem, obviamente você pode viajar para a Tailândia, comprar bitcoins, enviá-los para a China, Japão, Coréia e vendê-los. Isso é fácil ”, disse Peter Kim, da KIT Trading. “Mas essa oportunidade não vai durar muito tempo. E mesmo que não seja mais tão lucrativo, ainda há muitas maneiras de ganhar com isso, especialmente para alguém como eu que está acostumado a fazer 3 pontos-base em uma negociação. A arbitragem não vai mais ser tão fácil quanto costumava ser”, acrescentou Kim.

FONTE

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.
Beatriz Flor

Beatriz Flor Autor

Comentários