Como funciona o trabalho de uma exchange?

Aquilo que facilita o processo de compra e venda das criptomoedas é chamado de exchange. Sua principal função é garantir que esse processo aconteça da forma mais rápida e segura possível. Mas como funciona esse trabalho?

Para adquirir uma bitcoin, é preciso uma compra direta. e é dentro da exchange que isso funciona. No caso, não é ela que fornece o valor da criptomoeda. O vendedor estimula um valor, o comprador também e quando os dois valores batem, acontece a transação. Elas servem tanto para realizar essas transações quanto para orientação dos usuários.

As exchanges, nesse contexto, servem basicamente como uma casa de câmbio virtual. Elas funcionam da mesma maneira, inclusive. Mas com suas particularidades.

A ideia da exchange é manter um espaço aberto. Assim, não há um controle sobre as criptomoedas e qualquer usuário pode registrar os valores para acontecer as transações. Ou para compras. Nisso, a plataforma serve para as pessoas registrarem seus interesses.

Portanto, a plataforma mantém os valores e interesses registrados. E quando houver interesses mútuos, a própria exchange realiza a troca.

Há também uma cobrança de uma certa comissão à plataforma, acordada entre os envolvidos na negociação. E isso pode ser realizado a qualquer momento. Diferente de outras plataformas de transação, como bancos, por exemplo, a exchange não tem hora para começar ou finalizar. Além de que você pode realizar a ação de qualquer parte do mundo.

As exchanges além das negociações

A plataforma também permite o acúmulo de criptomoedas. Mas é preciso consciência dessa não ser uma opção totalmente viável aos usuários. É porque existe um risco de perda dos seus valores. Apesar de ter sido criada junto com a bitcoin, ainda há falhas dentro da tecnologia. Com brechas maiores que na carteira virtual, como explica o texto do Investimentos Financeiros.

Existem ainda maiores chances da plataforma ser hackeada. Ou de até mesmo ser fechada. 

O que é Work Exchange?

Além do cenário das criptomoedas, a tecnologia também está sendo usada para fornecer trabalho. Igualmente chamado de Intercâmbio de Trabalho, o conceito é realizar uma troca entre pessoas. Uma que gostaria de oferecer ajuda e outra que gostaria de receber.

E, como já explicado acima, a tecnologia fornece a opção de ser utilizada em qualquer lugar do mundo. Com isso, como viajante, você pode oferecer uma habilidade sua em troca de estadia e outros benefícios. Que podem variar conforme para quem você trabalha.

A plataforma exige diferentes tipos de habilidade, indo das mais técnicas às mais genéricas. Mas o uso da exchange, nesse caso, não envolve a relação com o dinheiro. Já que o “salário” aqui funciona através do pagamento da hospedagem. E, dependendo o lugar, a oferta de descontos, alimentação e transporte.

FONTES

Fonte1

Fonte2

Comentários