Blockchain pode ser o caminho mais seguro para eleições no Brasil

As eleições de 2016 nos Estados Unidos abriram precedente para que o debate político entorno da segurança do voto alcançasse o mundo inteiro. Com provas cada vez mais contundentes de que nenhum sistema está seguro, talvez a Blockchain seja o melhor caminho para restaurar a confiança nas eleições de diversos países, incluindo o Brasil.

Como tecnologia, a Blockchain ainda está caminhando para descobrir todos as suas funcionalidades. Embora muito mais conhecida no ramo das criptomoedas, a ferramenta pode ser usada em uma série de tópicos para facilitar a nossa vida, uma delas é a politica.

Blockchain nas eleições

Um estudo recente feito pela Avast, uma das maiores empresas do mundo em questão de segurança cibernética, demonstrou que cerca de 92% dos brasileiros não confia totalmente na urna eletrônica que utilizamos para computar nosso voto. A maior preocupação dos eleitores é a possibilidade de uma violação no código que a faça registrar dados alterados.

Embora o Governo Federal emita notas reforçando sua confiança completa na forma de votar hoje em dia, um dos caminhos que outros países estão adotando é o uso de blockchain nas eleições, para garantir que o direito democrático não se torne uma ferramenta manipulada por terceiros.

A tecnologia que já faz parte do método eleitoral usado em Serra Leoa e no Quênia, é estudada pelo mundo inteiro com a proposta de trazer transparência e credibilidade na hora de escolher um representante. Embora muitas vezes aplicada de maneiras diferentes, as mudanças são bem recebidas pelo público.

Durante testes feitos em pequenas escalas o blockchain demonstrou ser a opção mais viável, como provaram os suíços em um teste feito na cidade de Zug, onde um sistema de reconhecimento de digital foi implementado para que seus habitantes pudessem votar através do smartphone. Com os dados coletados foi possível rastrear a origem de cada voto e quantificar os resultados em pouquíssimo tempo, reforçando a eficácia do método.

Claro que o embate diplomático entre Estados Unidos e Rússia acabou acelerando as pesquisas em torno desse tipo de tecnologia, mas sabemos que no Brasil as coisas não são tão simples. Mesmo sendo alvo de diversas denuncias que apontam fraquezas em nosso processo eleitoral e provando à cada dia que a blockchain é excepcional nesses casos, a burocracia envolvida em uma reforma assim gera muita dor de cabeça e acaba deixada de lado pelo setor político.

Fontes:
Tecmundo
CNN

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.

Igor Seco Autor

Comentários