Bancos Conduzem Negociações em Blockchain

Bancos Conduzem Negociações em Blockchain: Apesar das dúvidas em relação à tecnologia ainda existirem, cada vez mais ela vem sido formalizada.

Aos poucos, é possível ver o blockchain sendo utilizado para transações que demandam confiança em um sistema. Isso, ao passo que ajuda as empresas no engajamento da tecnologia, também faz com que a blockchain seja vista com olhos menos desconfiados. Ou seja, encontra um modo de se estabelecer na indústria que tanto a rejeitou.

Um grupo de bancos europeus anunciou que concluiu uma série de operações financeiras internacionais através de uma plataforma de blockchain desenvolvida em conjunto.

De acordo com um anúncio na terça-feira (03), as transações ao vivo da We.Trade foram executadas nos últimos cinco dias entre 10 empresas e facilitadas por quatro bancos parceiros. O HSBC, uma das nove instituições envolvidas, afirmou que três de seus clientes participaram do teste de plataforma.

Construída na plataforma Blockchain da IBM, a We.Trade foi fundada pelo Deutsche Bank, HSBC, KBC, Natixis, Nordea, Rabobank, Santander, Société Générale e UniCredit, em uma tentativa de aumentar a eficiência das transações financeiras internacionais.

Conforme relatado pela CoinDesk em abril, a We.Trade estava planejando começar a testar a plataforma em maio com um lançamento comercial esperado no verão.

Na época, o Société Générale disse ao CoinDesk que o foco no comércio de pequenas e médias empresas (PMEs) dentro da Europa permitia que a plataforma aumentasse rapidamente.

Parm Sangha, líder de blockchain da IBM na Europa, comentou no anúncio de hoje:

À medida que a We.Trade passou de aplicativos pilotos para transações ao vivo através das fronteiras, demonstrou o poder da tecnologia blockchain em um ambiente empresarial.

Atualmente, a We.Trade opera em 11 países europeus e, de acordo com Roberto Mancone, diretor de operações da plataforma, a próxima fase verá os participantes “obterem adesão de bancos adicionais e de seus clientes na Europa e em outros lugares”.

FONTE

Lucas

Lucas Autor

Estudante de Letras (Português - Alemão) da Universidade de São Paulo. Diz que entende de cinema e espera escrever um livro, mas só espera mesmo.

Comentários