A Microsoft já está usando blockchain para conectar seus principais serviços

Em tempos de mudança constante é importante que todo o tipo de empresas de tecnologia se mantenham atualizadas e façam parte do movimento que acompanha a inovação. Para a Microsoft não seria diferente, e agora a empresa do Bill Gates está usando Blockchain para conectar seus principais produtos.

Depois que o serviço de dados em nuvem foi lançado pela empresa através da plataforma Azure e o blockchain passou a fazer parte da rede cerca de três anos atrás, a Microsoft decidiu adotar uma estratégia de adaptação lenta, mas seguindo uma série de parâmetros de segurança para que a transição de seus projetos aconteça da forma mais segura possível.

Microsoft usa blockchain para conectar sua rede

Com o Big Data se tornando mais valioso que o próprio petróleo, as empresas estão se esforçando para criar a melhor forma de formatar, catalogar e encriptar suas informações. Aquela que conseguir otimizar seu sistema de análise para interpretar os dados de uma plataforma, sem dúvidas terá vantagem em um mercado tão competitivo.

Por isso é importante para os desenvolvedores da Microsoft Azure que a nuvem utilize o blockchain para conectar sua vasta gama de serviços, como o Sharepoint Online, o Salesforce, o Office 365 Outlook, o Dynamics 365 Online, o SAP e até o Twitter.

Para a organização, além dos itens geralmente elogiados quando se fala de blockchain, um dos tópicos menos discutidos é talvez o mais relevante. Um ambiente em nuvem como a Azure se utilizando da tecnologia blockchain para conectar sua rede, pode acumular dados de várias empresas, criando um formato de padrão em escala para cruzar informações.

Com o sistema de nuvem puro funcionando, os desenvolvedores precisam criar uma plataforma compartilhada onde todos tem acesso à informação para montar sua estrutura de aplicações, mas o blockchain dá um passo maior, criando uma unica base altamente confiável para esses sistemas. A partir disso, os esforços para desenvolver uma inteligência artificial que colabore na interpretação dos dados apresentados é menor, otimizando o tempo e economizando recursos.

De acordo com Matt Kerner, o gerente da Microsoft Azure:

“O que a blockchain está fazendo é criar um processo de negócios multipartidário que está saindo de e-mails, telefonemas, planilhas e migrando para um único sistema com uma visão dos dados que todos os participantes podem confiar”.

Fontes:
Coin Desk
BC Focus

Receba novidades sobre Blockchain no Seu Email
Join over 3.000 visitors who are receiving our newsletter and learn how to optimize your blog for search engines, find free traffic, and monetize your website.
We hate spam. Your email address will not be sold or shared with anyone else.

Igor Seco Autor

Comentários